Cada voto para salvar Temer custou R$ 70,6 milhões ao povo brasileiro

Michel Temer se livrou da segunda denúncia apresentada por Rodrigo Janot com 251 votos favoráveis contra apenas 233 somados pela oposição – que só lograria sucesso com o apoio de 342 parlamentares.

Na primeira, o placar fora ainda mais folgado: 263 votos a favor, 227 votos contra.

Sem contar abstenções e ausências, que também beneficiavam o Governo Federal, o peemedebista somou 514 votos nas duas disputas. Mas, para tanto, comprometeu R$ 36,3 bilhões do suado dinheiro do povo brasileiro.

É como se cada voto tivesse custado R$ 70,6 milhões aos cofres públicos. E é claro que essa gastança toda poderia ter tido justificativa muito mais nobre.