Na véspera da prisão, Janot foi visto com o advogado de Joesley

Na noite de 8 de setembro de 2017, Rodrigo Janot pediu a prisão de Joesley Batista, Ricardo Saud e Marcello Miller. Na manhã de domingo, Edson Fachin atendeu o pedido parcialmente, poupando o procurador que se convertera em defensor dos dois primeiros.

Na véspera, contudo, uma imagem publicada em primeira mão pelo Antagonista ganhou as redes sociais: nela, de óculos escuros, Rodrigo Janot surgia numa mesa escondida num canto de um boteco brasiliense. Do outro lado, com o copo de cerveja pela metade, o advogado Pierpaolo Bottini, que defendia Joesley Batista.

A dupla chamou o encontro de casual, com a pauta em amenidades.

Na tarde seguinte, Josley Batista e Ricardo Saud se entregaram à Justiça.