Enquanto o STF levou mais de 7 anos para condenar os mensaleiros, a Lava Jato conclui ações em apenas 9 meses

De acordo com o Conselho Nacional de Justiça, uma ação judicial demora em média 4 anos e 4 meses para ser concluída. Com a Lava Jato, contudo, esse período foi reduzido drasticamente, chegando-se ao fim em apenas 9 meses e 12 dias – em média, claro.

Fazendo-se as contas, descobre-se que a operação arbitrada por Sérgio Moro é cinco vezes mais rápida, economizando três anos e meio do sistema jurídico brasileiro, e entregando resultado ao país na duração de uma gravidez.

De acordo com os especialistas ouvidos pela Folha, a explicação vem justamente dos acordos de delação premiada, que fornecem provas incontestáveis e neutralizam os efeitos de tantas chicanas, ou mesmo a busca por nulidades de provas – as estratégias mais exploradas pelos escritórios jurídicos do Brasil.

Para efeito de comparação, entre o estopim e a condenação, o STF consumiu mais de 7 anos da vida pública brasileira para estabelecer penas brandas aos mensaleiros condenados.

Curtiu o texto? Siga o autor no Twitter ou Facebook, ou contribua com o crowdfunding (financiamento coletivo) dele clicando aqui e seguindo as instruções.
Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 100% OFF (com desconto máximo de R$ 10) em até 2 corridas. Após ativado, o crédito terá validade de 30 dias.

Publicado por

Marlos Ápyus

Jornalista e músico. Edita o implicante.org desde julho de 2017. Siga-o no Twitter (@apyus) ou no Facebook (/apyus), ou contribua com o crowdfunding (financiamento coletivo) clicando aqui.

Deixe uma resposta